Domingo, 24 de Fevereiro de 2008

Tudo o que quer saber - parte 2

Comentário:
“Depois de ler os comentários, só posso pensar que vivo na Suécia e que este governo é da Albânia... pois é, mas não é verdade, adoro ver como os professores se desresponsabilizam da situação actual, que é muito má, e vendem esta reforma como ainda pior!!! Não serão os professores intervenientes e, como tal, responsáveis da actual situação? Será que avaliar alunos pela taxa de sucesso não é pertinente? Será que quando os alunos não passam a culpa também não é dos professores? O governo devia era criar ainda mais competição nas escolas para se ver as que estão a fazer um bom trabalho e acabar com esta média por baixo que só prejudica os que se esforçam. Infelizmente os alunos que têm boas notas são os das escolas privadas, onde os professores não contestam, são avaliados e motivados pelos seus patrões, todos ganham.”
Anónimo, Londres
 
Esclarecimento:
Depois de ler o seu comentário, quer-me parecer que o senhor vive algures entre a Lua e uma galáxia distante. Os professores não se desresponsabilizam de nada, porque apenas cumprem com o que lhes é pedido pelo Ministério da Educação. Se o ME simpatiza com a ideia de os alunos transitarem de ano sem conhecimentos, que podem os professores fazer? Se o ME simpatiza com a ideia de os alunos não estudarem, faltarem às aulas e viverem numa folia constante, que podem os professores fazer? Se o ME simpatiza com a ideia de uma fatia grande dos alunos andarem na escola a prejudicar todos os outros que querem aprender e prosseguir estudos, que podem os professores fazer?
Quando os alunos não passam… bem, o senhor não deve fazer a mais pequena ideia do que é um aluno português, pois não? Então, se os pais do aluno se borrifam para que ele estude ou não, que ele se comporte com educação ou não, que ele tenha oito ou nove negativas, e, como é de esperar, o aluno também se borrifa para isso tudo, como é que um professor vai inverter a situação e fazer com que o aluno estude, tenha comportamentos civilizados, esteja atento e queira passar de ano? Ou, por acaso, imagina que os alunos que reprovam são todos muito estudiosos e aplicados e atentos e interessados e educados e a culpa é dos professores que não lhes ensinaram bem as matérias?
As escolas privadas, com bons resultados, não são frequentadas pelos mesmos alunos que as escolas públicas. Aliás, os alunos das escolas privadas, não as frequentam. Eles estudam nas escolas privadas! Que é bem diferente! Nas escolas privadas, não se encontram alunos cujos pais sejam indiferentes ao insucesso e ao abandono. Não se encontram alunos cujos pais queiram para os seus filhos um futuro profissional entre um biscate a apanhar cachos de uva e um biscate a varrer uma escada, ou biscate algum. Nas escolas privadas, os professores não trabalham para aquecer – trabalham para ensinar, educar e formar. Por isso os bons resultados.
publicado por pedro-na-escola às 08:50
link do post | comentar | favorito
4 comentários:
De philos a 24 de Fevereiro de 2008 às 10:23
Pelas vírgulas em que tropeçamos ao ler o comentário do "Anónimo de Londres" ... vê-se claramente que o anonimato, na verdade, é mais um truque rasca do Henriquin, auto-designado Anti-tretas (da treta...) e autor de um blogue anti-Umbigo...
Santa ignorância...Que Santa Lurdinhas lhe dê umas Novas Oportunidades específicas para aprender a ser gente!


De pedro-na-escola a 24 de Fevereiro de 2008 às 13:58
E onde poderei encontrar um desses blogs anti-Umbigo?


De Philos a 24 de Fevereiro de 2008 às 15:23
Aqui, Pedro:
http://antifalsospedagogos.wordpress.com/2008/02/24/avaliacao-dos-professore/

Já agora, coloquei lá um comentário... mas foi censurado... O Henriquin não o publicou. Dizia o seguinte:
"Foi você… CLARO!… o “Anónimo” residente em “Londres”.. que colocou estas mesmas ideias aqui… http://pedro-na-escola.blogs.sapo.pt/8163.html
Ou terá sido a Ana Dias… Henriquin… Anti-Tretas da Treta?!
Já agora… Se “os pais” da Confap defendem as suas qualificações para dirigirem e orientarem a educação dos seus filhos, por que é que (e não porque é que…) os mandam para a escola e os entregam aos professorzecos… incompetentes?"...


De pedro-na-escola a 24 de Fevereiro de 2008 às 15:34
Obrigadão pelo endereço.
Adorei aquele blog Anti-tretas e vou colocá-lo nos meus links.
É uma fonte inesgotável de ideias para me espevitar a imaginação :-)


Comentar post

~posts recentes

~ E a Terra é plana…

~ A propósito dos melhores…

~ A propósito de oportunida...

~ A propósito das paranóias...

~ Especialistas em educação

~ O que vai ficar por fazer

~ Nuno Crato e a definição ...

~ Mega-Agrupamentos 4 - a p...

~ Mega-Agrupamentos 3

~ Mega-Agrupamentos 2

~ Mega-Agrupamentos

~ O segredo do sucesso nas ...

~ A anedota da vaca

~ Por falar em reduzir as d...

~ Agressividade de autores ...

~ Brincando às competências...

~ Pois, realmente, não foi ...

~ Contas ao número de aluno...

~ Reforço da autoridade dos...

~ Incompetência ao rubro...

~links

~arquivos

~ Julho 2011

~ Junho 2011

~ Maio 2010

~ Abril 2010

~ Março 2010

~ Novembro 2009

~ Outubro 2009

~ Setembro 2009

~ Agosto 2009

~ Julho 2009

~ Junho 2009

~ Maio 2009

~ Abril 2009

~ Fevereiro 2009

~ Janeiro 2009

~ Dezembro 2008

~ Novembro 2008

~ Outubro 2008

~ Abril 2008

~ Março 2008

~ Fevereiro 2008

~ Janeiro 2008

~chafurdar no blog

 
RSS