Segunda-feira, 27 de Abril de 2009

Formas de luta… ou não

Na semana passada, um pequeno grupo de dirigentes sindicais passaram pela minha escola para auscultar os professores sob formas de luta para esta recta final do ano lectivo. Uma consulta, portanto.

 
Tenho uma pedra no sapato quanto aos sindicatos, confesso, por razões que adiante explanarei, mas é preciso ser-se louco ou aspirante-a-ditador para negar a importância e a necessidade da sua existência.
 
As ideias foram pouco ou nenhumas. O número de professores presentes na reunião, em comparação com a última reunião sindical nesta escola, foi miserável. Sinais dos tempos? Há programas para cumprir, alunos para preparar para exames, etc. Greves e manifestações pareceram ser más opções, a começar pelo risco de terem níveis de adesão que seriam prejudiciais a qualquer luta. De outras escolas, pelo que apurei, há ideias para todos os gostos.
 
Pela minha parte, vejo duas medidas que gostaria de ver concretizadas:
 
1. A conclusão da avaliação de desempenho no final do ano lectivo, com a autoavaliação individual dos professores, por referência aos três objectivos basilares definidos para os professores do meu agrupamento: a contribuição para as metas do projecto educativo, o envolvimento na concretização do plano anual de actividades e o cumprimento do serviço distribuído.
 
2. O lançamento de uma contraproposta de escalonamento da carreira docente, reduzindo substancialmente a amplitude salarial actualmente existente.
 
A minha pedra no sapato quanto aos sindicatos tem que ver com o actual escalonamento da carreira docente. Não faz qualquer sentido que, na mesma escola, um professor ganhe mais do dobro de outro, quando os dois desempenham o mesmo tipo de tarefa, com as mesmas responsabilidades. Aliás, creio que este é o principal motivo para sermos uma classe tão desunida.
tags:
publicado por pedro-na-escola às 13:16
link do post | comentar | favorito

~posts recentes

~ E a Terra é plana…

~ A propósito dos melhores…

~ A propósito de oportunida...

~ A propósito das paranóias...

~ Especialistas em educação

~ O que vai ficar por fazer

~ Nuno Crato e a definição ...

~ Mega-Agrupamentos 4 - a p...

~ Mega-Agrupamentos 3

~ Mega-Agrupamentos 2

~ Mega-Agrupamentos

~ O segredo do sucesso nas ...

~ A anedota da vaca

~ Por falar em reduzir as d...

~ Agressividade de autores ...

~ Brincando às competências...

~ Pois, realmente, não foi ...

~ Contas ao número de aluno...

~ Reforço da autoridade dos...

~ Incompetência ao rubro...

~links

~arquivos

~ Julho 2011

~ Junho 2011

~ Maio 2010

~ Abril 2010

~ Março 2010

~ Novembro 2009

~ Outubro 2009

~ Setembro 2009

~ Agosto 2009

~ Julho 2009

~ Junho 2009

~ Maio 2009

~ Abril 2009

~ Fevereiro 2009

~ Janeiro 2009

~ Dezembro 2008

~ Novembro 2008

~ Outubro 2008

~ Abril 2008

~ Março 2008

~ Fevereiro 2008

~ Janeiro 2008

~chafurdar no blog

 
RSS